Conheça Aécio

Quem conhece o Aécio gosta do Aécio

Dia Nacional da Saúde: data de debates e ideias



05 de Agosto de 2014



Mais do que uma simples celebração, o Dia Nacional da Saúde, comemorado em 5 de agosto, é uma oportunidade de debater os problemas da área e encontrar soluções para tornar melhor o atendimento aos milhões de brasileiros que dependem da saúde pública.

Aécio Neves priorizou o cuidado com a saúde e a qualidade de vida do povo mineiro durante os anos em que governou Minas Gerais (2003 – 2010). Como resultado, o Estado foi considerado pelo Ministério da Saúde aquele com o melhor sistema de saúde pública da região Sudeste, de acordo com o último Índice de Desempenho do SUS (IDSUS), medido sobre dados de 2008 a 2010, e divulgado em 2012. No ranking nacional, Minas ficou em quarto lugar, atrás apenas de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul.



Conheça os principais programas de Aécio em Minas Gerais

Pro-Hosp

O Pro-Hosp, Programa de Fortalecimento dos Hospitais, foi criado por Aécio Neves em 2003 para melhorar as condições de atendimento em hospitais públicos e filantrópicos. Entre 2003 e 2010, o governo estadual repassou R$ 535 milhões para 132 hospitais. As unidades compraram equipamentos, fizeram reformas, construíram mais leitos e salas de cirurgias e melhoraram a gestão.

O Viva Vida e a redução da mortalidade infantil

Em oito anos, a taxa de mortalidade infantil em Minas Gerais foi reduzida em mais de 20%. Graças ao programa Viva Vida, criado por Aécio, foram destinados recursos e equipamentos a 120 maternidades de Minas Gerais, o que aumentou o número de leitos de UTI neonatal disponíveis. As mães também passaram a ter atenção especial, com acompanhamento permanente durante a gravidez.

Entre 2003 e 2008, a mortalidade materna caiu cerca de 28%. Nos 18 Centros Viva inaugurados, as mulheres fazem exames para prevenção de câncer do útero e de mama, têm consultas com especialistas e recebem orientação sobre planejamento familiar. Também foram criadas cinco casas de apoio à gestante e três centros Hiperdia, especializados em tratamento de hipertensão arterial, diabetes, doenças cardiovasculares e doença renal crônica.

Saúde da Família: ação preventiva nas comunidades

O governo estadual criou o Programa Saúde em Casa para ampliar e melhorar o atendimento à população, em apoio ao Programa Saúde da Família (PSF), que é uma parceria do Governo de Minas com o governo federal e os municípios.

Em 2003, eram apenas 2.258 equipes do PSF em Minas. Em 2009, o número saltou para 3.978, o maior do Brasil, atuando em 835 cidades mineiras. Isso representa uma cobertura de 69% da população (em 2003, era de 48%). O número de pessoas atendidas ultrapassou 13 milhões. Para facilitar o trabalho, Aécio doou 911 veículos para as equipes do PSF.

Transporte para consulta e tratamentos

Criado em 2005, o Programa Estadual de Transporte (SETS) atende a 535 municípios mineiros, fazendo o transporte de pacientes que necessitam de atendimento especializado em outra cidade.



Remédio de graça

A Rede Farmácia de Minas, criada por Aécio em 2008, atende hoje a 100% dos municípios do Estado, com 519 farmácias em funcionamento. Só no ano de 2013, foram distribuídos 2 bilhões de remédios gratuitamente.



Por um Brasil melhor

Se você tem ideias para melhorar a área da Saúde, escreva para Aécio Neves e ajude a mudar o país. Clique aqui e mande sua sugestão.