Propostas
Ministério da Infraestrutura

Ministério da Infraestrutura

Principais ações:

  • Aumento da taxa de investimento agregada da economia, de 16,5% do PIB para 24% do PIB, em quatro anos
  • Definição de regras claras para aplicação de verbas, execução e gestão
  • Aumento da confiança dos investidores com aprovação de marcos regulatórios e correção de modelos que apresentam falhas
  • Investimento em rodovias, ferrovias e hidrovias
  • Garantia de que as obras de infraestrutura sejam entregues no prazo e com custos menores, durem por muitos anos e prestem serviços de melhor qualidade
  • Investir mais no processo de elaboração do projeto básico e executivo de obras de infraestrutura, definindo orçamentos confiáveis






Veja outras propostas