Propostas
Professores

Professores

Principais ações:

  • Ampliar progressivamente a jornada de trabalho para 40 horas semanais, incorporando na jornada períodos para planejamento das aulas, capacitação, reuniões temáticas, encontro com os pais, correção de provas e demais atividades extraclasse
  • Implantar bolsas de manutenção para formação inicial
  • Criar incentivos para a escolha da carreira do magistério
  • Criar fundo de apoio para experiências inovadoras
  • Apoiar metodologias e práticas que ensinem a ensinar, com estágios docentes nos moldes da residência pedagógica
  • Apoiar experiências de ensino que combinem tecnologias presenciais e a distância; salas de aula invertidas; uso e elaboração de objetos virtuais de aprendizagem e todos os formatos viáveis de aprendizagem colaborativa
  • Organizar uma comissão para elaboração de base nacional para cursos de formação de professores de todas as etapas da Educação Básica, para orientar os currículos e programas das instituições de ensino superior formadoras de professores
  • Equilíbrio entre remuneração inicial e final
  • Valorização da formação continuada e progressão na carreira
  • 10°Evolução funcional e incremento salarial com base em avaliações
  • 11°Valorização da profissão do magistério, tornando mais competitiva a relação candidato/vaga para ingressar nos cursos de formação de professores e atrair mais talentos
  • 12°Desenvolver programas de capacitação e certificação de educadores de primeira infância, em parceria com Estados e municípios
  • 13°Valorizar e aperfeiçoar o Pibid – Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência, de forma a articular as ações das instituições de ensino superior e das redes públicas de Educação Básica, por meio de programas qualificados de estágio e mecanismo de incentivo para os professores

.

Veja outras propostas